logo
rss  Vol. XIX - Nº 340         Montreal, QC, Canadá - quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Empresária lusodescendente cria linhas de roupa para cães

Montreal – Uma empresária lusodescendente criou duas linhas de roupa para cães no Canadá e comercializa já os seus produtos para diversos mercados.

"Cresci na indústria da moda. Os meus pais sempre trabalharam em áreas da produção de roupa. Sempre fui uma pessoa bastante criativa em tudo o que fazia. Amo a moda. Comecei a ter formação nesta área, e após a escola secundária fui estudar design de moda. Após a graduação, recebi o diploma e comecei a trabalhar neste mundo», explicou à agência Lusa Lucy Medeiros, de 52 anos.

A lusodescendente, natural de Montreal, referiu que em 2005 era funcionária de uma empresa que operava na indústria da moda, e que devido à reestruturação dessa mesma companhia perdeu o seu emprego.

"Precisava de procurar outra coisa, mas de certa maneira queria trabalhar por conta própria, foi algo que sempre desejei. Decidi então fazer uma pausa para saber o que realmente pretendia. Então comecei a trabalhar com animais de estimação, até porque tinha há pouco tempo um cão», acrescentou a luso-canadiana, filha de emigrantes de S. Miguel, Açores.

Lucy Medeiros resolveu começar a desenhar coleiras com cristais para cães, com o objetivo de se afastar do «mundo da moda» com pessoas, pois estava um pouco desiludida com aquela indústria, uma área que «não é tão fascinante como dizem».

"Depois, uma amiga incentivou-me a elaborar uma coleção de roupas para cães, mas na altura não pensei, pois é um enorme processo. É necessária muita pesquisa, depois há a questão do design, do desenvolvimento e da elaboração do produto, e não sabia se queria voltar a trabalhar naquela indústria», frisou.

A empresária disse que aproveitou a experiência que adquiriu na formação que teve no programa de design de moda do Lasalle College e adaptou-a à «moda para cães».

Hoje, considera que o que faz «não é trabalho» mas sim «paixão».

Em 2008, apresentou em Nova Iorque a sua empresa, Roxy and Lulu, inicialmente com a coleção «Urban Doggie Wear', roupa para utilização diária, com produtos que vão desde os 60 aos 125 dólares (56 a 118 euros).

Em 2011, Lucy Medeiros apresentou a nova coleção denominada «High Fashion Line», uma linha de roupa de alta gama, com produtos com preços que vão dos 150 aos 600 dólares (141 a 565 euros).

"Atualmente, comercializo os meus produtos a nível mundial, não só no Canadá, mas tenho clientes em toda a parte, de norte a sul dos Estados Unidos, nomeadamente em Nova Iorque, no Texas e na Flórida, na Europa, quer em lojas de retalho, em boutiques e hotéis para cães», disse a empresária.

Lucy Medeiros foi contratada em 2011 para desenvolver e produzir um casaco para ser utilizado por um cão num anúncio para o Canadá da Target, segunda maior rede de lojas de retalho dos Estados Unidos para o Canadá.

A lusodescendente tem também presenças assíduas em programas televisivos no país.

No futuro, Lucy Medeiros pretende comercializar os seus produtos nas grandes superfícies comerciais, em lojas de marcas reconhecidas, porque «faz todo o sentido» que quando as pessoas vão às compras, «também possam adquirir os produtos para os seus animais».

Comunidades
Montreal – Uma empresária lusodescendente criou duas linhas de roupa para cães no Canadá e comercializa já os seus produtos para diversos mercados.
LUCY MEDEIROS moda internacional.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020