logo
rss  Vol. XIX - Nº 338         Montreal, QC, Canadá - quarta-feira, 08 de Abril de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

No início de 2016…

Portus Calle passa a Portus 360° e muda-se para o centro da cidade

Norberto Aguiar

Por Norberto Aguiar

Depois do «100 Receitas Portuguesas», edição Transcontinental, agora foi a vez do lançamento do livro «A cozinha da Helena», da responsabilidade da Les Éditions de l’Homme, uma divisão de Québecor Média. E para local de lançamento deste novo livro foi escolhido o último andar do antigo Hotel Delta, em pleno coração de Montreal, que até há pouco tempo dava pelo nome de Restaurant Tour de Ville, relacionado, está bem de ver, com o facto do restaurante estar sediado no último andar do prédio e que, caso único em Montreal, gira à volta da cidade. Diz-me que demora uma hora para dar a volta completa...

HELENA assina livro DSC_1643.JPG
Foto  - LusoPresse

Foi, assim, num local com uma vista deslumbrante para o Rio S. Lourenço e seu porto, e respetiva zona sul, que teve lugar a cerimónia de lançamento do segundo livro de Helena Loureiro, de novo, como não podia deixar de ser, um livro de receitas culinárias. Há quem diga que é um livro onde se reforça o que foi feito, ou o que não foi feito, na sua primeira publicação. De resto, a julgar pelas palavras da mestre de cerimónia, o alfobre da Helena tem muito mais para dar. E quanto ao seu conteúdo, na síntese de apresentação fala-se em 80 receitas, que vão das sardinhas marinadas, ao camarão ao Porto, passando pelo bacalhau, etc...

Naquela terça-feira, 20 de outubro, passou pelo «ex Tour de Ville» muita gente, desde portugueses a quebequenses de «souche», e de muitas outras origens. Para a Helena foi uma boa oportunidade para vender livros, muitos livros. Para os convidados, além de tomarem contacto com a nova publicação, tiveram a possibilidade de degustar uma grande panóplia de acepipes, quentes e frios, logo acompanhados de um bom copo de vinho. Também aqui veio ao de cima a riqueza da gastronomia portuguesa, versão cozinha à Helena Loureiro. E, sabe-se, nestas ocasiões há pouca gente para servir os seus convidados como a nossa compatriota oriunda da Serra de Santo António. Por isso, não admira os oh oh! de admiração dos muitos convivas presentes.

Helena IGUARIAS DSC_1631.JPG
Foto  - LusoPresse

Se admiração houve pela receção, voltamos a repetir, feita de maneira superior, essa admiração passou para surpresa quase geral – na sala já havia quem soubesse da novidade... – quando Helena Loureiro pegou no microfone para, primeiro agradecer a tudo e todos, desde os filhos aos empregados, passando pela equipa que a suportou na feitura do livro, e aos presentes, para dizer que se mudará com armas e bagagens para aquele mesmo local logo que os trabalhos estejam finalizados. «Para o início do ano», adiantou sem precisar a data.

O que Helena Loureiro afiançou no momento foi que o atual Portus Calle – 13 anos de vida – passará a chamar-se de Portus 360° e que a mudança se deve a pontos de vista diferenciados com as entidades municipais (do Bairro), mormente por questões de impostos, estacionamentos, assim como querer dar mais um passo adiante no seu negócio...

Os discursos terminaram com a leitura de uma mensagem do embaixador de Portugal em Otava, lida pelo cônsul José Guedes de Sousa, onde se elogiava o labor de Helena Loureiro.

O livro «La cuisine d’Helena» está à venda, aliás como o «Helena: 100 recettes portugaises», nas livrarias da cidade e nos três restaurantes (Portus Calle, Helena e Cantinho de Lisboa) de que Helena é co-proprietária.

Comunidade
Depois do «100 Receitas Portuguesas», edição Transcontinental, agora foi a vez do lançamento do livro «A cozinha da Helena», da responsabilidade da Les Éditions de l’Homme, uma divisão de Québecor Média. E para local de lançamento deste novo livro foi escolhido o último andar do antigo Hotel Delta, em pleno coração de Montreal, que até há pouco tempo dava pelo nome de Restaurant Tour de Ville, relacionado, está bem de ver, com o facto do restaurante estar sediado no último andar do prédio e que, caso único em Montreal, gira à volta da cidade. Diz-me que demora uma hora para dar a volta completa...
Helena.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020