logo
rss  Vol. XIX - Nº 329         Montreal, QC, Canadá - segunda-feira, 13 de Julho de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Autarquia de Lagoa promove

«Bonecos de Presépio em Barro»

A Câmara Municipal de Lagoa vai promover a 2ª edição do curso de formação «Bonecos de Presépio em Barro», com início amanhã, dia 22 de maio, tendo como formadora Paula Martins.

Lagoa Bonecos Foto 1.jpg

Trata-se de um curso de formação destinado ao público em geral, com uma carga horária total de 36 horas, repartidas por 18 sessões, que decorrerá às sextas-feiras, tendo a duração de 2 horas, no horário das 20h00 às 22h00. O lugar escolhido para a formação foi uma das salas do Convento  dos Franciscanos.

Os interessados poderão obter mais informações, através do contacto telefónico 296 296 600 ou correio eletrónico frederico.mendonca@lagoa-acores.pt. As inscrições são limitadas e têm um custo de 15,00 €.

Refira-se que esta é uma iniciativa que tem como propósito crucial manter viva a tradição da manufatura de bonecos de presépios na Lagoa e que vai ao encontro de uma política de apoio à aprendizagem de artesanato local. Aliás, e neste contexto, a autarquia tem realizado diversas formações para o público adulto, contribuindo diretamente para a aprendizagem e promoção do artesanato no concelho de Lagoa. Este ano, decorrem cursos de tricô e patchwork e, agora, mais este relacionado com a laboração de bonecos de presépios.

MUNICÍPIO DE LAGOA | AÇORES

MUNICÍPIO DE LAGOA | AÇORES

Largo D. João III, Santa Cruz - 9560-045 Lagoa | Telf: 296 960 600 Fax: 296 916 229 | cm-lagoa.azoresdigital.pt

Açores
A Câmara Municipal de Lagoa vai promover a 2ª edição do curso de formação «Bonecos de Presépio em Barro», com início amanhã, dia 22 de maio, tendo como formadora Paula Martins.
Autarquia de Lagoa promove.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020