logo
rss  Vol. XIX - Nº 327         Montreal, QC, Canadá - quinta-feira, 09 de Julho de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Em Anjou, no Domingo de Páscoa

Houve festa no Centro Comunitário

O Centro Comunitário do Espírito Santo de Anjou organizou no dia 5 de abril, domingo de Páscoa, um almoço de confraternização entre vários membros da comunidade portuguesa residente. Parte do valor pago por cada refeição reverterá em forma de donativo para a Associação Cultural de Educação Boneca de Trapos dos Açores. Esta associação, Ana Isabel Ferreira é a diretora, dedica-se ao apoio a crianças carenciadas.

A freguesia de Anjou possui cerca de 40 000 habitantes e tem o português Luís Miranda como presidente há mais de 20 anos.

Carlos Almeida é o presidente do Centro Comunitário, que juntou no último domingo de Páscoa cerca de uma centena de pessoas que compareceram naquele local, não só para almoçar mas também para partilhar um sentimento comum de união nesta data considerada Santa pela maioria da comunidade.

Manuel de Fatima, Jorge Pimentel e Maria Pimentel em atuacao no Centro Comunitario de Anjou.jpg
Manuel de Fátima, Jorge Pimentel e Maria Pimentel em atuação no Centro Comunitário de Anjou
Fotógrafo  ncc - LusoPresse

 

O LusoPresse soube que de serviço à cozinha estiveram os «chefes» Vilela (Manuel e Miguel), que se ofereceram, como de costume, para mostrarem os seus dotes culinários à comunidade. Segundo consta, foram aprovados com distinção.

Entre continentais e açorianos, a boa disposição durou toda a tarde. Não só não faltou o bom vinho, como havia queijo português, massa sovada e o famoso pão-de-ló... Havia também biscoitos que se misturaram com boas vozes, acordeões e guitarras bem afinadas. No fim de cada cantiga, o que não faltou foi palmas.

 

Se na cozinha os irmãos Vilela «deram cartas», na música houve também quem se chegasse à frente para fazer aquilo que se pedia. O Manuel de Fátima, na voz, no acordeão esteve Jorge Pimentel, e a sua esposa Maria Pimentel acompanhou com a guitarra portuguesa.

– Cantaram e encantaram…

Comunidade
O Centro Comunitário do Espírito Santo de Anjou organizou no dia 5 de abril, domingo de Páscoa, um almoço de confraternização entre vários membros da comunidade portuguesa residente. Parte do valor pago por cada refeição reverterá em forma de donativo para a Associação Cultural de Educação Boneca de Trapos dos Açores. Esta associação, Ana Isabel Ferreira é a diretora, dedica-se ao apoio a crianças carenciadas.
Centro Comunitario do Espirito Santo de Anjou.doc
no
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020