logo
rss  Vol. XIX - Nº 327         Montreal, QC, Canadá - domingo, 05 de Julho de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Campeonato da Major League Soccer

Para quando uma vitória do Impacto?

Por Norberto Aguiar

Em 2015, para o Campeonato da MLS, o Impacto de Montreal já realizou 4 jogos, iguais a duas derrotas e dois empates. É verdade que ainda só disputou um desafio em casa, contra o Orlando City SC, quando o resultado se cifrou num empate a 2 golos... Nas três deslocações que fez, o melhor resultado (0-0) fê-lo contra o Revolution, em Bóston, diante do finalista da Taça MLS da época passada. Em Washington (DC United) e em Houston (Dynamo), o Impacto foi incapaz de parar os seus antagonistas (0-1 e 0-3).

Depois de uma campanha muito interessante na Liga dos Campeões, que o colocou na respetiva final, pensava-se que o Impacto pudesse marcar uma outra carreira no Campeonato da MLS, para o qual, todos sabemos, visa o apuramento para as eliminatórias de fim de ano...

Mas com o percurso até agora realizado, já há quem comece a questionar o valor da equipa, dos seus jogadores, já para não falar na capacidade do treinador...

Neste momento com três jogos adiados (Nova Iorque Red Bull, Chicago Fire e San Jose Earthquakes) para o princípio do outono, por via de estar a disputar a Liga de Campeões, espera-se que o conjunto montrealense, quando retomar o campeonato, possa vir com a predisposição de ganhar jogos, única maneira de avançar na classificação e, por via disso, «puxar» os adeptos ao estádio...

Final da Liga de campeões

Depois de já em 2015 ter eliminado, sucessivamente, o Pachuca (2-2, fora e 1-1, em casa), o Alajuelense (2-0, em casa e 2-4, fora), este último encontro a contar para as meias-finais da Liga de Campeões da CONCACAF, o Impacto prepara-se para defrontar a equipa do América, o clube mais rico e mais medalhado de toda a América do Norte, Centro e Caraíbas!

Todos sabemos que os grandes também caem. Mas, para sermos honestos, pensamos que o Impacto está condenado a perder esta final. Pela categoria do antagonista, que no seu plantel conta com muitos internacionais mexicanos, paraguaios..., e americanos – sim, dos Estados Unidos! –, pelo poder económico, que é fabuloso, fazendo parte de um aglomerado financeiro do qual até faz parte um canal de televisão, e pelos adeptos, que no jogo caseiro contarão com o apoio de 100 mil almas, que é quanto alberga o Estádio Azeteca!

Verdade que o Impacto também contará com uma assistência que, agora, a duas semanas do jogo, podemos avaliar em mais de 50 mil, mas nunca será a mesma coisa. Primeiro porque os nossos adeptos não são ferrenhos como os mexicanos. Segundo, porque o poder do adversário, sobretudo jogando em casa, até intimida a arbitragem, que muitas vezes se deixa influenciar pelos ambientes escaldantes de estádios e equipas como estes.

Oxalá que isto seja apenas suposições e que, no final dos dois jogos, o Impacto possa cantar vitória. Seria maravilhoso para todos. Para o Impacto, seus adeptos e organização; para o Canadá e, sobretudo para a Major League Soccer que desde que a Liga de Campeões é disputada neste formato (2008/09) nunca teve um campeão... O clube que foi mais longe foi o Real Salt Lake, que em 2011 também chegou à final, perdendo-a no entanto para o Monterey, em sua própria casa, por 1-0, depois de ter ido ao México arrancar um excelente empate (2-2).

No formato antigo, La Galaxy de Los Angeles (2000) e DC United (1998) foram seus campeões.

Resta dizer que na lista de Campeões da CONCACAF o grande líder é o Cruz Azul, também mexicano, com seis títulos conquistados. O Clube América, que teve os seus melhores anos nesta competição nos anos setenta e princípios de 90, já não ganha esta prova desde 2006... Mais uma razão para não querer perder esta oportunidade de renovar um título que lhe tem fugido há anos e que lhe daria a possibilidade de igualar o seu grande rival mexicano.

Os dois jogos da final da Liga de Campeões da CONCACAF disputam-se já no dia 22, na cidade do México, e uma semana depois, mais precisamente no dia 29, em Montreal, no Estádio Olímpico que segundo as previsões vai encher.

Aconselhamos os adeptos de futebol portugueses a presenciarem estes desafios, uma boa maneira de se inteirarem, de uma vez por todas, da qualidade do futebol que se pratica aqui para os lados da América do Norte!

Desporto
Em 2015, para o Campeonato da MLS, o Impacto de Montreal já realizou 4 jogos, iguais a duas derrotas e dois empates. É verdade que ainda só disputou um desafio em casa, contra o Orlando City SC, quando o resultado se cifrou num empate a 2 golos... Nas três deslocações que fez, o melhor resultado (0-0) fê-lo contra o Revolution, em Bóston, diante do finalista da Taça MLS da época passada.
Campeonato da Major League Soccer.doc
no
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020