logo
rss  Vol. XIX - Nº 325         Montreal, QC, Canadá - sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Associação da Mulher Portuguesa do Canadá

Festa com Iran Costa

Anália Narciso

Por Anália Narciso

Foi no passado dia 7 de março que a Associação da Mulher Portuguesa do Canadá levou a efeito o seu Dia da Mulher. Para isso organizou um jantar numa das salas italianas de St-Léonard e que contou com uma boa presença de público, parte dele atraído pela presença do cantor brasileiro, a viver em Portugal desde há muitos anos, Iran Costa.

Tudo começou pelo jantar, muito bom e bem servido por sinal. Depois, começaram as apresentações e chamadas ao palco, com a particularidade de no decorrer da festa haver duas Mulheres homenageadas, na pessoa de Aleluia Machado, conhecida colaboradora comunitária, sobretudo na comunidade de Laval, e Clementina Santos, atual conselheira das Comunidades Portuguesas.

Festa Asso Mulheres 12.jpg

Depois vieram os cantores Vasco de Sousa, «noutra vida» cantor assíduo na comunidade, e Briana da Silva, menina torontoense, muito jovem, mas já com uma qualidade de voz a merecer reparos elogiosos, como se viu, e sentiu, na sala. Enquanto aquele divertiu a plateia com música para dançar, rebuscada no que há de mais tradicional no nosso país, Briana enveredou por melodias em língua inglesa, bonitas ao ouvido mas menos atrativas para dançar... Ambos, pode dizer-se, agradaram a quem estava presente, salvo raras exceções.

No entremeio vieram as rifas, uma maneira de angariar fundos, para mais com o atrativo de haver duas viagens para os Açores...

O grande momento da noite foi sem dúvida aquele em que Iran Costa subiu ao palco. Com a sua maneira sui generis de atuar e cantar, com todas as melodias a «beberem» na sua famosa canção «É o bicho, é o bicho...», foi fácil perceber por que é que grande parte das mulheres presentes na sala entrou em «histerismo» desenfreado, pulando, gritando e entoando as melodias do amado cantor luso-brasileiro! De tal forma era o entusiasmo que dali para a frente quase só deu Iran Costa! Claro que o cantor aproveitou para provar que aquelas mulheres, sobretudo, estavam ali para aclamar tão desejado músico.

Festa Asso Mulheres 4.jpg

Cantor e agente, que veio de Toronto, aproveitaram para dizer às apaniguadas que Iran Costa pode, a breve trecho, voltar a Montreal.

Entretanto, e como se não tivéssemos jantado à maneira, ainda houve a «mesa da meia-noite», qual casamento..., com as mais variadas iguarias.

Candidato e nova equipa

A dada altura do serão, foi anunciado que o conhecido empresário hoteleiro da comunidade, Manuel Puga, presente na sala, estava indigitado como candidato às eleições federais de outubro próximo, sob a bandeira do Partido Conservador, pelo círculo eleitoral de Blainville, cidade onde vive e trabalha.

Abordado sobre o assunto, Manuel Puga delicadamente recusou prestar declarações a Norberto Aguiar, ali em serviço de reportagem para o programa de televisão português LusaQ TV. Na ocasião, o nosso

Festa Asso Mulheres 1.jpg
Flagrantes do Dia da Mulher da Associação da Mulher Portuguesa do Canadá.
Foto  - LusoPresse

compatriota candidato alegou que ainda não era tempo para falar à comunicação social...

Já quase no final da festa, foi anunciado que a Associação da Mulher Portuguesa do Canadá passava a contar com alguns elementos novos, nas pessoas de Ludmila Aguiar e Viviana Lourenço. Os restantes membros são Francisca Reis (presidente), Lina Pereira (vice) e Suzi Reis.

Reportagem
Foi no passado dia 7 de março que a Associação da Mulher Portuguesa do Canadá levou a efeito o seu Dia da Mulher. Para isso organizou um jantar numa das salas italianas de St-Léonard e que contou com uma boa presença de público, parte dele atraído pela presença do cantor brasileiro, a viver em Portugal desde há muitos anos, Iran Costa.
Associacao da Mulher Portuguesa do Canada.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020