logo
rss  Vol. XIX - Nº 322         Montreal, QC, Canadá - quarta-feira, 19 de Fevereiro de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Na redação do LusoPresse

Falha grave!

Atarefados com a organização do primeiro aniversário da LusaQ TV e dos 18 anos do LusoPresse, os computadores (3) na redação deste jornal, quase em simultâneo com a festa, decidiram pregar partida e foram-se abaixo...

Como sabem, o LusoPresse, em janeiro de cada ano, é publicado uma só vez, na terceira semana do mês e que este ano apontava para que fosse publicado na quinta-feira, dia 22.

Ora, como já repararam noutros artigos deste número do LusoPresse, a festa desta casa era no dia 24, portanto, dois dias depois...

Com as avarias, os esforços foram canalizados para profissionais da Best Buy, e até da tipografia (Payette et Simms, inc.) que imprime o LusoPresse, trabalhando-se quase de dia e noite para que as reparações fossem feitas a tempo de sair a edição do jornal, a primeira do ano por sinal.

De problema em problema, as reparações foram-se fazendo quase às maquias, com alguma falta de profissionalismo da Best Buy à mistura, convenhamos. Resultado, os atrasos foram-se tornando cada vez mais problemáticos, ao ponto da edição 322 do LusoPresse começar a ficar em causa...

Estava-se quase num beco sem saída quando se tentou, como último recurso, a compra de novo material. Foi assim que acedemos à proposta do(s) técnico(s)... pois a tudo estávamos dispostos para que o jornal saísse na altura devida...

Puro engano, já que com o material novo veio o problema das incompatibilidades dos vários segmentos e tudo voltava à primeira forma...

Vendo o tempo a passar e a festa aniversariante a precisar de implicação da nossa parte e da equipa, junto com a falta de garantias dos técnicos, mesmo, como já vimos, com novo material, houve que tomar uma decisão drástica e suspender a edição 322 do LusoPresse sob pena da festa também sofrer nefastas consequências.

Caros leitores, a caminho de 19 anos de publicação ininterrupta, esta foi a primeira vez que o LusoPresse teve uma edição suspensa, isto para grande desgosto nosso.

Agora, regularizadas todas as vertentes tecnológicas, o LusoPresse aí está mais revigorado do que nunca, isto muito por causa da sua extraordinária equipa de colaboradores, que a muito breve trecho será reforçada.

Por tudo, nada mais nos resta de que pedir desculpa aos nossos leitores, anunciantes e colaboradores.

Comunidade
Atarefados com a organização do primeiro aniversário da LusaQ TV e dos 18 anos do LusoPresse, os computadores (3) na redação deste jornal, quase em simultâneo com a festa, decidiram pregar partida e foram-se abaixo...
Na redacao do LusoPresse.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020