logo
rss  Vol. XVIII - Nº 319         Montreal, QC, Canadá - terça-feira, 14 de Julho de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Na Universidade de Toronto

Aluna distinguida com Prémio Pedro da Silva

Toronto - A Universidade de Toronto entregou na sexta-feira passada o Prémio «Pedro da Silva» a uma aluna daquela instituição de ensino, numa iniciativa que pretende promover aquele que foi o primeiro carteiro do Canadá, que era português.

Carina Morgado, aluna dos estudos portugueses da Universidade de Toronto foi a vencedora da terceira edição do Prémio Pedro da Silva 2014.

O prémio de mérito académico é uma parceria entre aquela instituição de ensino e a delegação do Canadá da Caixa Geral de Depósitos.

Na cerimónia de atribuição do prémio, a vencedora reconheceu a «importância do português», não só na sua vida pessoal, bem como profissional.

A responsável pelo departamento de estudos do português na Universidade de Toronto, Manuela Marujo, explicou que o vencedor é sempre escolhido entre os alunos de estudos portugueses.

"Este ano foi a Carina Morgado que concluiu todos os cursos que oferecemos no departamento. Pedro da Silva representa honestidade, eficiência, profissionalismo. Achamos que era bastante simbólico. Entendemos que um aluno não tenha só boas notas, mas que tenha também as qualidades que nos permitam confiar no prémio que merece», justificou.

Por seu lado, a representante da Caixa Geral de Depósitos no Canadá, Ana Ochôa, espera através daquele prémio «incentivar a divulgação da língua portuguesa por terras canadianas».

"O Prémio Pedro da Silva é uma homenagem ao primeiro carteiro canadiano, que é de origem portuguesa, que premeia o melhor aluno de estudos portugueses desta universidade (de Toronto) excelentemente reconhecida com o departamento de estudos portugueses e espanhóis», afirmou a responsável.

Pedro da Silva, imigrante português do século XVIII, chegou ao Canadá entre 1672 e 1673 à Nova França, hoje a província do Quebeque, tendo sido responsável pelas primeiras expedições de correio do país.

O «português», como era conhecido, nasceu em Lisboa, em 1647 e faleceu em 1717 devido à febre-amarela. Há registos oficiais que, em 1693, foi pago pelo transporte de um pacote de correspondência entre a cidade do Quebeque e Montreal, recebendo 20 soldos, naquela que foi a primeira expedição de correio no país.

Os estudos portugueses da Universidade de Toronto contam com cerca de 200 alunos. Todos os anos matriculam-se alunos de diversas origens, com uma grande componente de lusodescendentes, que frequentam os cursos por razões familiares.

Calcula-se que existam no Canadá cerca de 550 mil portugueses e lusodescendentes, estando a grande maioria localizada na província do Ontário.

Comunidades
A Universidade de Toronto entregou na sexta-feira passada o Prémio «Pedro da Silva» a uma aluna daquela instituição de ensino, numa iniciativa que pretende promover aquele que foi o primeiro carteiro do Canadá, que era português.
Premio aluna TORONTO.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020