logo
rss  Vol. XVIII - Nº 318         Montreal, QC, Canadá - terça-feira, 26 de Maio de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Major League Soccer

Lugar às eliminatórias

Norberto Aguiar

Por Norberto Aguiar

Terminadas as 34 jornadas do Campeonato da Major League Soccer, que teve o Sounders de Seattle como grande vencedor, averbando 64 pontos, mais três do que o La Galaxy de Los Angeles, ambos da Divisão Oeste, com o DC United, primeiro da Divisão Este, a do Impacto, a ficar a cinco pontos do primeiro lugar e a dois do segundo, o que talvez queira demonstrar que as equipas do Oeste do continente possam estar uns furos acima... passemos para o período atual, o das eliminatórias de fim de temporada, que dá ensejo para que as 10 equipas apuradas possam lutar pela respetiva Taça MLS que é, ao invés do que acontece na Europa e nos mais diversos campeonatos nacionais de dezenas de outros países, o título mais importante do futebol no Canadá e Estados Unidos, países onde está, claro, inserida a Major League Soccer.

Liguilha

A fase eliminatória, que conta com 10 equipas, cinco de cada zona, tem um jogo preliminar na Zona Este e outro na Zona Oeste de maneira a ficar somente quatro clubes que, depois, disputarão as meias-finais. Esse jogo realizou-se ainda em outubro, logo após o término do Campeonato. E, na Zona Este, o acasalamento deu Nova Iorque Red Bull x Sporting Kansas City, as duas últimas equipas das cinco aqui classificadas. Num jogo disputado em Nova Iorque, por ter sido a formação que ficou mais bem colocada, o Red Bull bateu o campeão de 2013, o Sporting Kansas City, por 2-1, num jogo muito bem disputado e onde os «brancos e vermelhos» efetuaram uma reviravolta espetacular de maneira a ganharem a contenda já com o desafio a caminhar para o seu fim. Vimos o jogo pela televisão e temos de admitir que o desafio entre estas duas fortes equipas nos deu a ideia de estarmos perante um jogo da Liga dos Campeões. Nem menos!

Landon-Donovan-waves-goodbye-at-USAvECU.jpg
Landon Donovan, que é filho de pai canadiano, desde que anunciou a sua retirada, aos 32 anos, do futebol no final desta época, por todos os estádios onde passa é alvo das maiores e mais dignas homenagens.

Já na Zona Oeste os contendores em presença foram o Dallas FC e o Whitecaps de Vancouver. Disputado no Texas, o desafio produziu o Dallas FC como vencedor, mas não sem que tivesse de suar as estopinhas, pois a resistência dos canadianos foi feroz a tal ponto que só saíram derrotados a poucos minutos do fim e só através de uma grande penalidade, contestada como quase sempre acontece por quem a sofre.

Meias-finais

Apuradas as duas equipas, o Dallas FC pela Zona Oeste e o Nova Iorque Red Bull pela Zona Este, os acasalamentos fizeram-se então da seguinte maneira: Sounders de Seattle x Dallas FC (primeiro contra o quarto) e La Galaxy de Los Angeles x Real Salt Lake (segundo e terceiro); e DC United x Nova Iorque Red Bull (primeiro e quarto) e Columbus Crew x Revolution de Bóston (terceiro contra segundo).

Depois dos acasalamentos, as equipas subiram ao terreno de jogo para a disputa do primeiro jogo. Começou primeira a Zona Este, com o Columbus Crew a receber o Revolution e o Nova Iorque Red Bull a fazer o mesmo ao DC United. Ali, mesmo se se sabia que o Revolution era uma formação com outro potencial, não se esperava que fosse a Columbus a golear os anfitriões e logo com um resultado bastante favorável, 4-2, que lhe dá plena confiança para o jogo em Bóston, já este fim de semana. Pelas nossas contas, o Revolution deverá com mais ou menos dificuldade eliminar o Crew e assim classificar-se para a final da sua zona.

No outro jogo desta mesma Zona Este, o Nova Iorque Red Bull, se bem que a jogar em casa, também conseguiu um resultado e exibição espetaculares ao bater o líder da Este por 2-0! É que, antes deste jogo, pouca gente pensaria que os atletas de Nova Iorque pudessem obter uma vitória de 2-0 sobre o United, formação por muitos candidata mesmo ao título da Taça MLS. Foi de resto para isso que se prepararam este ano, visto que, em 2013, ficaram-se pela última posição na Liga, com apenas três vitórias em 34 jornadas...

Agora, com o jogo de volta, a disputar no imponente estádio da capital americana, o DC United já não tem tanto a certeza se poderá seguir em prova depois do que aconteceu no passado fim de semana. Recuperar dois golos para marcar presença na final zonal, diante do Nova Iorque Red Bull atual, não será nada fácil...

Mas o treinador Olsen, antigo internacional americano e que este ano já foi considerado o Treinador do Ano, diz que vai vencer a eliminatória, opinião corroborada pelos seus jogadores. Vai ser possível? Temos dúvidas que isso aconteça... mas como no futebol tudo é possível...

Na Zona Este as coisas passaram-se sensivelmente da mesma maneira, isto é, jogos apertadíssimos, jogados num ritmo estonteante e onde o futebol foi espetacular! E os resultados são a prova provada do que fica dito.

Comecemos pelo vencedor do Campeonato, o Sounders de Seattle, que foi até Dallas, para se ver em grandes dificuldades e sair do Texas com um lisonjeiro empate (1-1), obtido tarde, na segunda parte, e depois do Dallas ter falhado algumas boas oportunidades de golo. Como não as concretizou, é da lógica no futebol, sofreu o golo que lhe deixa com poucas hipóteses de ir ganhar a Seattle, não só diante do poderoso campeão e vencedor da Taça da América de 2014, como terá de suportar o enorme «peso» de 70 mil espetadores. Eis aqui, quase de caras, o primeiro apurado para a final da Zona Oeste, o Sounders de Seattle.

A outra partida foi disputada em casa do Real Salt Lake. Também aqui se verificou um empate, desta vez sem golos. Não que as oportunidades não tivessem aparecido. Mas porque os guardiões, dos melhores da Liga, tiveram atuações muito felizes, defendendo tudo o que havia para defender, frustrando o bom trabalho de ambos os ataques. Com o empate, pelo menos em teoria, está melhor o La Galaxy de Los Angeles que, agora, terá a grande oportunidade de vencer em casa a muito boa equipa de Salt Lake já no próximo domingo.

Para além de querer marcar presença na final da sua zona e, depois, aspirar à final da Taça, o La Galaxy tem como força interior oferecer ao seu GRANDE jogador Landon Donovan o seu último troféu, visto o maior jogador americano de todos os tempos, e um dos melhores do mundo, deixar o futebol no final desta época que, claro, coincide com a disputa da Taça MLS, precisamente a 7 de dezembro.

Resultados:

Zona Oeste

Dallas FC x Sounders de Seattle, 1-1

Real Salt Lake x La Galaxy de Los Angeles, 0-0

Zona Este

Columbus Crew x Revolution de Bóston, 2-4

Nova Iorque Red Bull x DC United, 2-0

Próximos jogos:

Zona Oeste

Dia 10, 22h30

Sounders de Seattle x Dallas FC

Dia 9, 19h30

La Galaxy de Los Angeles x Real Salt Lake

Zona Este

Dia 9, 17h00

Revolution de Bóston x Columbus Crew

Dia 8, 14h30

DC United x Nova Iorque Red Bull.

Desporto
Terminadas as 34 jornadas do Campeonato da Major League Soccer, que teve o Sounders de Seattle como grande vencedor, averbando 64 pontos, mais três do que o La Galaxy de Los Angeles, ambos da Divisão Oeste, com o DC United, primeiro da Divisão Este, a do Impacto, a ficar a cinco pontos do primeiro lugar e a dois do segundo, o que talvez queira demonstrar que as equipas do Oeste do continente possam estar uns furos acima... passemos para o período atual, o das eliminatórias de fim de temporada, que dá ensejo para que as 10 equipas apuradas possam lutar pela respetiva Taça MLS que é, ao invés do que acontece na Europa e nos mais diversos campeonatos nacionais de dezenas de outros países, o título mais importante do futebol no Canadá e Estados Unidos, países onde está, claro, inserida a Major League Soccer.
Major League Soccer.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020