logo
rss  Vol. XVIII - Nº 314         Montreal, QC, Canadá - sexta-feira, 22 de Janeiro de 2021
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Em Lagoa...

Delegação de Sainte-Thérèse reforçanlaços

Reportagem de Nuno Cansado

 

São cerca de 4 000 quilómetros que separam a cidade de Sainte-Thérèse, no Quebeque, da cidade da Lagoa, nos Açores, mas foi naquela cidade canadiana que muitos emigrantes lagoenses decidiram construir uma nova vida. Atualmente, do total de 25 mil habitantes da cidade de Sainte-Thérèse estima-se que cerca de 5 mil são oriundos do concelho de Lagoa. Esta foi umas das razões porque em 1994 se tenha estabelecido um acordo de geminação entre as duas localidades, que ao longo destes 20 anos se tem revelado positiva no sentido de promover laços de cooperação entre os dois Municípios.

Lagoa visita 3 IMG_0682.jpg

Tudo começou em 1994 quando o ainda presidente do Município da Lagoa, Martins Mota, juntamente com Elli Fallu, na altura presidente do Município de Sainte Thérèse, assinou um protocolo que permitiu a união destas duas localidades. Para assinalar esta data, foi inaugurada uma praça com o nome «Praça da Lagoa» junto ao edifício municipal da cidade de Sainte Thérèse, no Canadá.

Durante estes 20 anos foram várias as ocasiões em que membros destas duas comunidades se encontraram com o objetivo de reforçar a relação existente, promovendo mecanismos protocolares como meios de cooperação entre ambas as partes, nomeadamente intercâmbios escolares e outros de cariz cultural.

Como forma de assinalar o 20º aniversário desta geminação, entre os dias 29 de agosto e 5 de setembro, a cidade de Sainte-Thérèse se fará representar na ilha de São Miguel, mais propriamente no concelho de Lagoa.

Lagoa visita 6 IMG_0082.jpg
Lagoa e Ste-Thérèse de mãos dadas em Água de Pau, uma das cinco freguesias do concelho de Lagoa.

Depois de no passado mês de junho uma comitiva lagoense presidida por João Ponte, atual presidente da Câmara Municipal da Lagoa, ter visitado a cidade de Sainte-Thérèse no âmbito das comemorações das festas do Espírito Santo daquela localidade, é a vez da presidente de Câmara da cidade de Sainte-Thérèse, Sylvie Surprenant, juntamente com a sua comitiva, marcarem presença no programa oficial das comemorações dos 20 anos desta geminação.

Durante esta semana, que começou na passada sexta-feira com a chegada ao Aeroporto João Paulo II pelas 22 horas, a comitiva terá uma agenda sem muita margem de manobra, pois uma semana poder-se-á revelar curta para contemplar a beleza da ilha de São Miguel e marcar presença em todos os locais assinalados no programa oficial.

No sábado, foi feita a receção oficial de boas vindas na Caloura, zona pitoresca no lado sul da maior ilha do arquipélago. Ainda que o tempo convidasse a permanecer naquele local, a agenda ordenava que partissem nesta mesma tarde em direção ao Observatório Vulcanológico e Geotérmico dos Açores na cidade de Lagoa e aos Núcleos Museológicos da freguesia da Ribeira Chã, depois de uma breve paragem na Mercearia Central, situada na famosa praça da freguesia de Água de Pau.

Foto 2.jpg
A boa disposição é patente durante a reunião de trabalho

Como pontos altos desta visita, podemos destacar a inauguração da sala Sainte-Thérèse situada na Casa da Cultura Carlos César na Lagoa, juntamente com a assinatura do livro de honra e a não menos importante troca de prendas. Será também inaugurada no dia 2 de setembro uma exposição de fotografia intitulada «20 anos 20 fotos» que terá lugar no edifício dos Paços do Concelho, como a inauguração do monumento da autoria do arquiteto Duarte Nápoles no largo Ville Sainte-Thérèse na Lagoa, que a partir de amanhã simbolizará as duas décadas de existência do pacto de amizade celebrado entre estas duas cidades.

Durante estes 20 anos foram várias as ocasiões em que membros destas duas comunidades se encontraram com objetivo de reforçar a relação existente e promovendo mecanismos protocolares como meios de cooperação entre ambas as partes. Entre intercâmbios escolares e culturais, destaca-se a exposição do Presépio Tradicional da Lagoa na cidade de Sainte Thérèse como forma de comemorar 1ª década de existência desta geminação.

 

Destaque
São cerca de 4 000 quilómetros que separam a cidade de Sainte-Thérèse, no Quebeque, da cidade da Lagoa, nos Açores, mas foi naquela cidade canadiana que muitos emigrantes lagoenses decidiram construir uma nova vida. Atualmente, do total de 25 mil habitantes da cidade de Sainte-Thérèse estima-se que cerca de 5 mil são oriundos do concelho de Lagoa. Esta foi umas das razões porque em 1994 se tenha estabelecido um acordo de geminação entre as duas localidades, que ao longo destes 20 anos se tem revelado positiva no sentido de promover laços de cooperação entre os dois Municípios.
artigo.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2021