logo
rss  Vol. XVIII - Nº 309         Montreal, QC, Canadá - segunda-feira, 13 de Julho de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Carreira do Impacto

Mais seis jogos e apenas duas vitórias...

Norberto Aguiar

Por Norberto Aguiar

Depois da nossa última abordagem à carreira do Impacto, passaram-se mais seis jogos e nesse período, a equipa montrealense apenas obteve duas vitórias, uma para o Campeonato da Major Soccer League e a outra para o Campeonato Canadiano. Nos restantes encontros, o Impacto perdeu três e, no outro, averbou um empate.

Comecemos pelo princípio.

Sporting Kansas City – Impacto, 4-0

A deslocação a Kansas, a casa do atual campeão, não foi nada repousante, como se vê pelo resultado, uma goleada de 4-0.

Embora se esperasse um jogo difícil, nada fazia prever, no entanto, que o Impacto fosse goleado pelo Sporting Kansas City, uma equipa cheia de bons valores, a começar por Zusi, um dos melhores jogadores americanos da atualidade, como prova a sua chamada para integrar o lote de jogadores da Seleção dos USA que estarão dentro de semanas no Brasil. Contra esta equipa, caso não se tome todas as precauções, como parece ter sido o caso, a derrota nunca está muito longe... Não é por acaso que o Sporting Kansas City foi, com mérito, o campeão da MLS em 2015 e que, este ano, tenta repetir a façanha.

Entretanto, para complicar mais as coisas, o Impacto, como tem acontecido neste princípio de época, não tem estado à altura do que os seus responsáveis querem, vindo a esbanjar pontos atrás de pontos...

Impacto – União de Filadélfia, 1-0

Foi neste jogo que o Impacto averbou uma das duas vitórias. Sem surpresa, mas obtida de forma atrapalhada, isto é, de maneira difícil, logo tangencialmente, quando, a jogar em casa e contra uma das formações mais acessíveis da competição, se esperava que o Impacto pudesse vencer com alguma facilidade. Não foi assim e o um a zero acabou por ser muito bom, pois foi o garante dos três pontos no bornal, tão necessários para quem ainda não teve a sorte de ganhar muitos jogos...

Edmonton FC – Impacto, 2-1

Cá está uma derrota que fez tremer muita coisa neste clube. É verdade que o Impacto foi até Edmonton com aquilo que se pode dizer uma segunda equipa. Mas, mesmo assim, a formação quebequense tinha a obrigação de fazer melhor, que era ganhar esta contenda. Não só não o fez como acabou por ser derrotado por uma equipa da Segunda Divisão... Falta de consideração para com uma equipa de escalão inferior? Se assim foi, agiu mal, como se verá mais adiante neste texto.

Recorde-se que esta partida foi realizada no âmbito do Campeonato de Futebol Canadiano, uma prova disputada em forma de eliminatórias entre as cinco equipas profissionais do país. De resto, o Edmonton FC só se constituiu adversário do Impacto por ter eliminado o Fury de Otava, também da Segunda Divisão. Esta equipa, dirigida pelo nosso jovem compatriota Marc dos Santos – já treinou o Impacto na NASL –, tem 2014 como o seu primeiro ano de atividade.

Impacto – Sporting Kansas City, 0-3

Depois de ter ido a Kansas City ser goleado (4-0), esperava-se que o Impacto pudesse querer, agora a jogar em casa, vingar-se do campeão em título. Pura ilusão... E nova derrota sem apelo nem agravo, pela marca de 3-0!

Foi um jogo que só quase deu Sporting, para mais a jogar com mais um elemento, por expulsão de Collen Warner, que, com as mãos, impediu que a bola entrasse na sua baliza, provocando, por isso mesmo, uma grande penalidade que, depois, resultaria no primeiro golo do desafio...

O resto dos noventa minutos foram de real sofrimento para os jogadores montrealenses, tal a maneira soberba como jogavam os homens do centro dos Estados Unidos. Chegou-se mesmo, no estádio, a ter pena dos homens do treinador Frank Klopas, por via do domínio avassalador imposto pelos azuis de Zusi!

Impacto – Edmonton FC, 4-2

Se o Impacto foi a Edmonton convencido de que a eliminatória contra a equipa local seria fácil, a derrota na cidade de «para lá das Rochosas», logo deu a perceber que o apuramento para a final do Campeonato do Canadá não seria de todo fácil, como não o foi.

Com a diferença de um golo favorável ao Edmonton FC, o Impacto teve de trabalhar no duro para eliminar o conjunto secundário no jogo do Estádio Saputo, com o apuramento a vir já no quinto minuto do tempo adicional, e logo através de um penálti, que muita gente achou de forçado...

Para quem era tido como um adversário fácil, a verdade é que o Edmonton FC se portou como uma grande equipa, isto apesar de não ter grandes vedetas no seu conjunto. Foi, de resto, por uma unha negra que não eliminou o Impacto, atual campeão. Um minuto menos e o Impacto, a esta hora, estaria fora duma prova que dá ao vencedor a possibilidade de participar na Liga de Campeões da CONCACAF.

Ao vencer o Edmonton FC no conjunto dos dois jogos (5-4), o Impacto está apurado para jogar a final diante do rival Toronto FC que, por sua vez, eliminou o Whitecaps de Vancouver (3-3 nos dois jogos, mas com Toronto a vencer nas grandes penalidades, por 5-3). Os desafios da final disputam-se no dia 28 de maio, em Toronto, e no dia 4 de junho, em Montreal.

DC United – Impacto, 1-1

Desde há semanas que o Impacto não conseguia fazer um jogo tão bom. Empatou, mas devia ter ganho porque foi melhor equipa do que o DC United, apesar de este jogar em casa e estar a fazer um excelente princípio de campeonato, ao invés do que aconteceu no ano passado, quando terminou a época como a pior equipa da Zona Este da MLS.

O Impacto jogou melhor e teve mais oportunidades. Marcou primeiro e só sofreu o golo do empate a escassos oito minutos do fim da partida. Um verdadeiro balde de água fria para quem tanto lutou pela vitória.

Com a boa prestação registada na capital dos USA, espera-se, agora, que o Impacto parta para um período de bons resultados, que o façam subir na tabela classificativa, já que neste momento ocupa o último lugar da sua série, a Zona Este.

Próximos jogos:

Colorado Rapid – Impacto, dia 24

* Toronto FC – Impacto, dia 28

Estádio Saputo, dia 31, às 19h00

Impacto – New Revolution

* Primeira mão da final do Campeonato Canadiano de Futebol.

Desporto
Depois da nossa última abordagem à carreira do Impacto, passaram-se mais seis jogos e nesse período, a equipa montrealense apenas obteve duas vitórias, uma para o Campeonato da Major Soccer League e a outra para o Campeonato Canadiano. Nos restantes encontros, o Impacto perdeu três e, no outro, averbou um empate.
Carreira do Impacto.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020