logo
rss  Vol. XVIII - Nº 305         Montreal, QC, Canadá - terça-feira, 07 de Abril de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Cabane à sucre:

Praias de Portugal fiel à tradição

Norberto Aguiar

Por Norberto Aguiar

Há vários anos que o Grupo Folclórico Praias de Portugal que, como todos sabem, pertence ao Clube Portugal de Montreal, leva a efeito, por esta altura do ano, uma saída à Cabane à sucre, uma tradição quebequense de souche, que vale a pena experimentar...

Já tem sido noutras localidades, como nos disse Tiago Gonçalves, o organizador-mor da excursão, mas desta vez a «saída» foi até à cidade de St-Eustache, a cerca de uma hora e meia de Montreal, situada a noroeste. E a Cabane à sucre escolhida foi a da Villa du Sirop.

Com uma sala habitualmente à disposição dos convivas do Clube, este ano, por via do jogo Sporting x Porto e algumas festas em clubes e associações em Montreal, a comitiva portuguesa que acompanhou os jovens do Praias de Portugal a St-Eustache foi menos significativa. Porém, em número suficiente para que a tarde na Villa du Sirop fosse deveras agradável, com muita música, dança, jogos... não faltando o sempre esperado passeio à volta do aglomerado.

Cabane a sucre DSC_0426.JPG

E mesmo se os elementos do Praias de Portugal deixaram as fardas em casa, isso não impediu que os jovens dançarinos dessem à perna as lindas danças do Minho. Um acordeão, mais os CD’s, acabaram, também, por dar o tom ao momento.

Os excursionistas portugueses, domingo passado, começaram a chegar à Villa du Sirop por volta do meio-dia. Acertaram as entradas, que ainda hoje nem sabemos quanto custou, e entraram no vasto salão, em três quartos ocupado pela fileira lusitana de Montreal e arredores. O que restou da sala foi ocupado por romenos e quebequenses, alguns deles inicialmente intrigados com as nossas falas. Mas durou pouco tempo, visto que logo se disseram latinos como nós. Além disso, interessaram-se pela nossa música, principalmente por influência da criançada de um e do outro lado...

Cabane a sucre Jovens DSC_0432.JPG
os jovens da organização, com Tiago Gonçalves em primeiro plano.
Fotógrafo  - LusoPresse

Tiago Gonçalves, filho de Vítor Gonçalves, dirigente do Clube, é o jovem que coordena as operações. Foi ele que facilitou a nossa entrada, minha e do Dave Touniou, operador de imagem para a LusaQ TV, que mesmo aparecendo sem avisar, acabou por merecer atenção redobrada.

Foi desta maneira que tivemos carta-branca para o nosso trabalho. Recolhemos imagens do almoço que uma vez por ano – no nosso caso, claro – é sempre muito bom, das danças, do passeio; e entrevistámos várias pessoas, da assistência e da organização. Boa gente, ninguém recusou os «avanços» dos dois representantes da LusaQ TV.

A meio da tarde, com o nosso trabalho concluído, seguimos em direção a Laval, deixando atrás de nós uma sala ainda plena de alegria!

Reportagem
Há vários anos que o Grupo Folclórico Praias de Portugal que, como todos sabem, pertence ao Clube Portugal de Montreal, leva a efeito, por esta altura do ano, uma saída à Cabane à sucre, uma tradição quebequense de souche, que vale a pena experimentar...
Cabane a sucre.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020