logo
rss  Vol. XVII - Nº 296         Montreal, QC, Canadá - domingo, 23 de Fevereiro de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Campeonato da Major League Soccer…

Impacto com vida difícil

Norberto Aguiar

Por Norberto Aguiar

Há poucas semanas, o Impacto de Montreal estava bem instalado no Campeonato da MLS. Tinha mais pontos que os seus mais credenciados perseguidores, para além de ter menos jogos jogados. Isso dava-lhe um grande à vontade para enfrentar qualquer antagonista, pois os adversários é que ficavam com a responsabilidade de procurar a vitória a todo o custo... Ao invés, o Impacto poderia encarar os desafios com serenidade, aquela serenidade que todas as equipas necessitam para benfazer.

Ora, de há algum tempo a esta parte, o Impacto pôs-se a esbanjar pontos atrás de pontos de maneira que, a três jogos do fim do Campeonato, a sua classificação está por um fio; está em vias de não dar para estar na fase eliminatória de fim de época... Mais uma derrota, plausível nesta quarta-feira – dia em que este jornal entra na rotativa...-, quando na Califórnia o Impacto estará defrontando o campeão do ano passado, o Galaxy de Los Angeles. Uma derrota diante dos angelinos e o Impacto começará a contar pelos dedos os pontos que precisa e os que os seus antagonistas terão de perder para que ele (Impacto) possa estar entre a elite da MLS quando se iniciar a fase decisiva da temporada. Como desculpa desta descida ao purgatório, não chega invocar as lesões e castigos de (a) alguns jogadores...

imfc-starting-lineup-vs-sj.jpg

E lembrar-nos que os responsáveis técnicos da equipa abdicaram da Liga dos Campeões da CONCACAF, onde apresentaram uma formação à base de suplentes e alguns jovens jogadores sem experiência de campeonato, e muito menos numa prova de cariz internacional, para se concentrarem no objetivo das eliminatórias... Agora o risco é que nem uma coisa nem outra seja possível...

Nos últimos cinco jogos, o Impacto só venceu um jogo, para a Liga dos campeões, e obteve um empate (2-2), em Chicago. A continuar assim, lá se vai toda uma época pelos ares...

Dynamo de Houston – Impacto, 1-0

No passado dia 4 de outubro, o Impacto jogou em Houston, diante do Dynamo, finalista da Taça da MLS nos dois últimos anos. Durante muitas jornadas, os amarelos do Texas andaram na retaguarda dos montrealenses. Mas, agora, quando são precisos os pontos para aceder à competição final, cá estão eles à frente dos azuis e pretos de Montreal, com pontos (48) suficientes para marcarem presença, uma vez mais, na fase derradeira da temporada. Para isso, muito contaram os três pontos da vitória do Dynamo sobre o Impacto no jogo do passado dia 4 de outubro. A vitória veio por um a zero. E mesmo se o Impacto deu boa réplica, a verdade é que a vitória lhe fugiu. E não interessa se o árbitro não viu um lance passível de grande penalidade. O que conta é o que acontece no fim da contenda. E aí, foram os homens do Texas que ficaram com os três pontos da vitória que tão bem lhes fica em função dos objetivos perseguidos.

Impacto – Revolution, 0-1

Cá está um resultado que há poucas semanas era impossível imaginar. Pela carreira positiva que o Impacto vinha fazendo e pelo momento menos bom que atravessava o Revolution da Nova Inglaterra, uma equipa muito jovem. Afinal, os papéis estão em vias de se inverter, quem sabe...

Enquanto o Impacto, nas últimas semanas, se pôs a perder pontos atrás de pontos, o Revolution iniciou um ciclo inverso, subindo a pulso na classificação geral. E esta vitória contra o Impacto, para mais em pleno Estádio Saputo, deve-lhe ter dado um must importante que o pode levar à fase seguinte do campeonato da MLS. De resto, neste preciso momento, quando faltam dois jogos a disputar – três, no caso do Impacto – o Revolution está a um único ponto da classificação necessária, logo atrás do Chicago Fire e do Union de Philadelphie... É precisamente contra este União de Filadélfia, no próximo sábado, em Montreal, que o Impacto disputará o seu mais decisivo jogo da época. Se vencer, os montrealenses conseguirão salvar a temporada apurando-se para a fase derradeira. Mas, ao contrário, se perderem, estamos conscientes que o resultado do último jogo, contra os rivais do Toronto FC, já não contará para nada...

Muitas conjunturas e especulações, é certo. No entanto e como todos sabem, o futebol é bonito por isso mesmo, pela incerteza que nos proporciona.

Do jogo propriamente dito, temos de avançar, com franqueza, que os americanos, mesmo se não foram grandes dominadores durante os 90 minutos de jogo, acabaram por merecer a vitória. Marcaram um golo, tiveram uma bola na trave e conceberam as melhores jogadas do desafio. E quando assim é, nada há a apontar.

Dos três lusitanos do Revolution, destaque para José Gonçalves (capitão), que apesar de ser defesa central foi ele o homem do golo que deu os três pontos. Para além disso, foi um mouro de trabalho, acudindo os seus companheiros de setor, onde também brilhou A. J. Soares, um luso-descendente com classe e visão de jogo. A. J. Soares também é defesa central, tendo por isso feito par com José Gonçalves, um lisboeta que fez parte das camadas jovens benfiquistas, chegando a alinhar pelas seleções jovens de Portugal até ao escalão dos Sub-21.

O terceiro lusitano é outro luso-descendente, oriundo da Califórnia e dá pelo nome de Matt Reis. A sua função na equipa é a de guarda-redes. Também a sua atuação teve contornos de excelente, ao não permitir que Di Vaio e companhia fossem capazes de violar a sua baliza. De realçar que desta vez Matt Reis não teve razões para ser expulso, como aconteceu no jogo do passado mês de setembro, em Bóston, quando saiu da equipa logo aos cinco minutos, por derrube a Di Vaio, que resultou numa grande penalidade, que deu golo, e que deixou a sua equipa com somente 10 elementos para o resto da contenda. Até agora, foi este o único jogo que vimos o Impacto fazer fora de portas.

Próximos jogos

Na Califórnia

Quarta-feira, dia 16:

La Galaxy – Impacto

Sábado, dia 19, no Estádio Saputo, às 14h00

Impacto – União de Filadélfia

Sábado, dia 26

Toronto FC – Impacto

Com o jogo de Toronto, termina a fase regular do Campeonato da Major League Soccer.

Uma nota final para lamentar a lesão, grave, sofrida por Saer Sene (Revolution), logo no início do jogo, que o levou mesmo ao hospital.

Futebol
Há poucas semanas, o Impacto de Montreal estava bem instalado no Campeonato da MLS. Tinha mais pontos que os seus mais credenciados perseguidores, para além de ter menos jogos jogados.
Campeonato da Major League Soccer.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020