logo
rss  Vol. XVII - Nº 295         Montreal, QC, Canadá - domingo, 23 de Fevereiro de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

No Parque das Américas

Denis Coderre fala aos étnicos

Norberto Aguiar

Por Norberto Aguiar

Denis Coderre, candidato à presidência da Câmara Municipal de Montreal, achou por bem falar às Comunidades Culturais de Montreal, em número, segundo os seus dados, de 120, e para isso escolheu o Parque das Américas, em pleno coração da Comunidade Portuguesa.

Foi sábado passado (dia 28 de setembro) que o encontro teve lugar. Presentes não muitos delegados comunitários, nem jornalistas, sobretudo por alguns terem sido convidados no próprio dia...

Para aqueles que não puderam ou não quiseram comparecer como forma de protesto, foi-lhes enviado um comunicado com o desenrolar da sessão, com as declarações de Denis Coderre.

DENIS CODERREphoto_lancement de plate-forme.jpg
Denis Coderre, no Parque das Américas, onde falou para as Comunidades Culturais.

Para demonstrar a importância das Comunidades Culturais na vida de Montreal, o candidato Coderre diz ter escolhido marcar um encontro especial para divulgar o seu engajamento. «Os cidadãos da diversidade são cidadãos de corpo inteiro. E é tempo que alguém os escute», considerou nomeadamente Denis Coderre.

Já Mary Deros, candidata pela Equipa Denis Coderre pelo bairro Villeray-St-Michel-Parc-Extension e responsável do dossiê das Comunidades no atual executivo camarário, avançou que «as Comunidades Culturais estão confrontadas com diversos problemas, quer seja de discriminação, de acesso ao emprego, de acesso à habitação ou mesmo de racismo».

Considerando as necessidades das Comunidades naqueles domínios, a Equipa Coderre promete ter isso em linha de conta e avança com a possibilidade de que a Diversidade passe a estar representada na Câmara e em todos os bairros. Para isso está proposto nomear um conselheiro no seio do Gabinete Político do presidente da Câmara, onde o seu papel será de aconselhar o «maire» sobre todas as questões relacionadas com as Comunidades.

Ainda a este propósito, vejamos o que propõe esta equipa.

– Fazer com que os efetivos da Câmara Municipal passem a refletir a etnicidade do Quebeque, nomeadamente revendo os testes de avaliação na altura do engajamento;

– Criar um grupo de reflexão multidisciplinar e multissetorial que se ocupe do «profilage» racial;

– Otimizar a oferta de serviços da Câmara Municipal para apoiar o empreendedorismo junto dos novos emigrantes e os acompanhar nos projetos de criação de empresas.

Na opinião de Denis Coderre, estas medidas e outras a considerar no futuro, principalmente ligadas à habitação social, são a demonstração viva de que o seu agrupamento político está à escuta das Comunidades Culturais da cidade. «Eu mesmo tenho uma sólida experiência na problemática que toca essas comunidades enquanto fui deputado federal pelo círculo eleitoral de Bourassa. E uma vez presidente da Câmara Municipal, implementarei todos esses conhecimentos ao serviço da minha administração».

Eleições Municipais
Denis Coderre, candidato à presidência da Câmara Municipal de Montreal, achou por bem falar às Comunidades Culturais de Montreal, em número, segundo os seus dados, de 120, e para isso escolheu o Parque das Américas, em pleno coração da Comunidade Portuguesa.
No Parque das Americas.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020