logo
rss  Vol. XVII - Nº 294         Montreal, QC, Canadá - quinta-feira, 22 de Agosto de 2019
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContactos arrowÚltima hora arrowClima arrowEndereços úteis
Partilhe com os seus amigos: Facebook

No Ferreira Café:

A 12ª gala dos chefes

Jules Nadeau

Reportagem de Jules Nadeau

Pelo 12º ano, Carlos Ferreira soube atrair ao seu estabelecimento importantes chefes de empresa para uma soirée benefício especial em proveito da Fundação CHU Sainte-Justine. Na passada segunda-feira à noite, foram sete dirigentes a envergar a veste branca de «chefe estrela duma noite» para um serão cheio de boa disposição e de generosidade. No ano passado, este serão anual permitiu juntar a bela soma de 85 000$, montante que os chefes de 2013 têm esperança de ultrapassar.

Carlos F Chefs.JPG
Foto Jules Nadeau - LusoPresse

Todos iguais face ao desafio filantrópico dum serão, sete generosos chefes de empresa conferiram prestígio e experiência ao evento. Jean Bédard do Grupo Sportscene (La Cage aux Sports). Pierre R. Brosseau de RCN média. Bertrand Cesvet de Sid Lee. Robert Coallier d'Agropur. Me Jean Groleau de Dentons. Éric Richer La Flèche de Métro. Robert Tessier da Caisse de Dépôt. Cada um trazia o nome na veste quando do coquetel onde Carlos Ferreira lhes disse a rir que alguns deles «iam talvez deixar a sua profissão, no fim da soirée, para se lançarem na restauração. E acrescentando, espero que tudo vá estar à altura das vossas expectativas».

Estes aprendizes de cozinheiro eram assistidos pelo chefe Marino Tavares, assim como pelo novo chefe das cozinhas João Hipólito, que garantiram fazer deste jantar benefício um grande sucesso culinário, diz o comunicado de imprensa.

Pierre Bédard, presidente e chefe de direção do Grupo Sportscene, que agrupa os restaurantes bem conhecidos dos desportivos La Cage aux Sports, respondeu às perguntas do representante do LusoPresse: «É uma boa causa, para as crianças doentes. Todos sabemos como o Hospital Sainte-Justine está implicado na comunidade. Estou contente de poder, a divertir-me, ser capaz de lhes dar uma certa soma de dinheiro. É a razão pela qual decidi de participar este ano. Esta é a minha primeira vez. Sendo presidente de La Cage aux Sports vamos servir asas, mas asas preparadas um pouco à maneira portuguesa. Esperamos que os convidados vão apreciar». É o seu próprio talento de cozinheiro? «Sim, mas com 54 restaurantes de La Cage aux Sports, tenho uma equipa que se ocupa disso... Sendo presidente e chefe de direção, esta não é a minha principal responsabilidade na organização» declarou com um sorriso.

Mencionemos também o papel importante desempenhado por Madame Johanne Demers, instigadora do projeto. Enfim, precisamos que em 2012, além de Sainte-Justine, a Fundação do Hospital Général Juif recebeu ajuda financeira desta gala para a pesquisa sobre a doença de Alzheimer.

Destaque
Pelo 12º ano, Carlos Ferreira soube atrair ao seu estabelecimento importantes chefes de empresa para uma soirée benefício especial em proveito da Fundação CHU Sainte-Justine.
A 12a gala dos chefes.doc
yes
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2019