logo
rss  Vol. XV - Nº 245         Montreal, QC, Canadá - sábado, 04 de Julho de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContacto arrowÚltima hora arrowClima
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Em Santa Cruz

Distinção e louvor

Inês Faro

Reportagem de Inês Faro

Juntar na mesma sala cowgirls e cowboys, as crianças e os adultos do rancho folclórico, um português a declarar o seu amor em francês e até um «Michael Jackson» que por pouco não dançou ao som dos cavaquinhos, foi o resultado não só da diversidade, como também do sucesso das atividades dinamizadas pela Universidade dos Tempos Livres (UTL) da Missão Santa Cruz.

em santa cruz2

Se também o arroz de pato, as favas, o leitão quase da Bairrada, os coscorões e o pudim molotov, entre outras (muitas!) iguarias da gastronomia portuguesa trazidas pelos alunos e professores estivessem sob avaliação todos concluiriam a noite com «distinção e louvor».

A comemoração do final do ano letivo da UTL reuniu cerca de 500 pessoas num jantar servido na sala da igreja, no passado sábado, 14 de maio. Foi também uma oportunidade para ficar a conhecer os trabalhos finais dos alunos das 22 atividades promovidas este ano pela UTL, em exibição no Salão Nobre da Missão Santa Cruz. Foi ainda uma ocasião para descobrir a história e os principais intervenientes da Missão, desde 1963 até aos dias de hoje, parte de um trabalho desenvolvido pelo Padre António Araújo (António do Outeiro) que resultou no livro comemorativo do 25º aniversário da Missão, lançado no domingo, dia 15.

Unidos pela arte

em santa cruz 1

A UTL abriu as portas em 2004, com o objetivo de responder às necessidades da comunidade portuguesa em Montreal. «Com a vinda do professor Nelson Figueiredo em 2002 para o primeiro curso de pintura de azulejo, percebemos que era necessário continuar a dinamizar o centro comunitário», conta o Padre José Maria Cardoso. «Sentimos a necessidade de alargar a área de intervenção da Missão Santa Cruz para podermos abranger mais pessoas que, apesar de não participarem nas celebrações, gravitavam à volta do centro comunitário», acrescenta o fundador e diretor da UTL.

As atividades são para todos os públicos e pretendem responder à diversidade de interesses e gostos dos participantes. Os cursos de línguas - francês e inglês, assim como português para estrangeiros, os bordados, as rendas, os Arraiolos ou a pintura do azulejo são atividades que conhecem desde sempre grande adesão, mas a oferta é maior: danças de salão, dança em linha, rancho folclórico, cavaquinhos, a tuna, ginástica, dança em linha ou a «arte de bem receber», entre outras.

em santa cruz 3

Uma vez por semana, ou mais, dependendo do número de atividades em que cada um esteja inscrito, as pessoas reúnem-se para desenvolver, quais artesões, novas competências. O quadro é de fraternidade, convívio e partilha de experiências entre pessoas de diferentes idades e crenças. «Somos todos aprendizes da vida», diz o P. José Maria. «A UTL é uma espécie de Evangelho ralado», explica. Sem dúvida cumpre-se o objetivo principal desta iniciativa: Todas as partes, desde os professores voluntários aos alunos empenhados, contribuem para um ambiente onde o respeito pelo outro, a comunhão e a fraternidade se revelam até nos mais pequenos detalhes, como um bolo que alguém traz para partilhar com a turma no final da aula.

Numa iniciativa inédita entre as comunidades portuguesas no Canadá de alargar o âmbito da pastoral a atividades lúdicas e culturais, a Missão Santa Cruz é, nesse sentido, um exemplo a seguir.

em santa cruz 4

O balanço dos últimos oito anos não podia ser melhor. «As atividades têm conhecido uma adesão cada vez maior tanto de portugueses como de canadianos», diz o P. José Maria. «A UTL ultrapassa o objetivo primeiro - a dinamização de atividades culturais, para satisfazer o objetivo primário: estar em comunidade, proporcionar o encontro das pessoas», diz o impulsionador da iniciativa.

Quanto ao futuro, a porta da UTL continuará aberta, assim queira a comunidade. «Farei tudo para que ninguém lhe ponha ferrolhos. Enquanto houver gente que esteja interessada, tudo faremos para que ela possa funcionar», diz o P. José Maria Cardoso. Com a mesma determinação que um dia erigiu este projeto, o fundador e diretor da UTL, sabe que o caminho a seguir será sempre a vontade das pessoas da comunidade. «No dia em que deixar de ter adesão, é sinal que temos de pensar noutros projetos, há que modernizar e ir ao encontro daquilo que são as ambições da comunidade».

em santa cruz 5

Para mais informações:

T. Missão Santa Cruz - 514.844.1011

Morada - 60, Rua Rachel Ouest

As inscrições nas atividades da Universidade dos Tempos Livres da Missão Santa Cruz devem ser feitas em setembro, através do pagamento de uma joia de $50, mais $10/ ano letivo - setembro a maio, por cada atividade.

O livro comemorativo do 25º aniversário da Missão de Santa Cruz (1986-2011), Respigos e Retalhos, da autoria do Padre António Araújo (António do Outeiro), é gratuito e está disponível na Missão.

O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

Apesar das resistências encontradas na imprensa portuguesa em geral, o LusoPresse decidiu adoptar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa pelas razões que já tivemos a oportunidade  de referir noutro local.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.
 
Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020