logo
rss  Vol. XV - Nº 239         Montreal, QC, Canadá - segunda-feira, 01 de Março de 2021
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowArquivos arrowContacto arrowÚltima hora arrowClima

Em Santa Maria

Centro de Treinos do Grupo SATA

A instalação do Centro de Treinos de Tripulantes de Cabine do Grupo SATA constituirá "uma importante mais valia, não só para o desenvolvimento da ilha de Santa Maria, mas também para que esta ilha se afirme como um contribuinte líquido do desenvolvimento económico dos Açores", defendeu, em Vila do Porto, o Secretário Regional da Economia.

 

sata treinos

Vasco Cordeiro, que falava durante a sessão de apresentação desta infra-estrutura, a instalar no Aeroporto de Santa Maria, recordou que este "foi um compromisso assumido pelo Presidente do Governo dos Açores", simbolizando, também por isso, "que um compromisso assumido é um compromisso para cumprir".

Segundo o governante, este será um investimento "de grande importância para o transporte aéreo nos Açores já que ele se destina a todo o Grupo SATA.

O Secretário Regional da Economia defendeu ainda que "a decisão de instalar este centro de treinos em Santa Maria não teve por fim apenas construir mais uma infra-estrutura nem se esgota nela". Faz, acrescentou, "parte de uma estratégia que tem vindo a ser seguida pelo Governo dos Açores no sentido de aproveitar o manancial de potencialidades que, em diferentes áreas, existem em todas as ilhas dos Açores".

"Há que aproveitar, valorizar e potenciar essas mais valias existentes em cada uma das nossas ilhas já que isso permitirá o desenvolvimento da Região como um todo", acrescentou.

Vasco Cordeiro recordou, por exemplo, que, "ainda recentemente o Governo anunciou um processo de fusão das administrações portuárias e que a sede da empresa será no Faial. Essa localização não foi decidida apenas para instalar algo no Faial, mas sim porque dentro do sistema portuário regional, a ilha do Faial apresenta mais valias que interessa fomentar".

Ou seja, explicou, "existe uma matriz comum na actuação do Governo que passa por fomentar a coesão regional, não numa perspectiva assistencialista de pensar que determinado investimento se concretiza numa ilha por ela ser mais pequena, mas sim numa estratégia de utilizar e apostar nas potencialidades de cada ilha e no contributo que as mesmas podem dar para o nosso desenvolvimento colectivo".

No caso do Centro de Treinos de Tripulantes de Cabine, além "do papel de Santa Maria na história da aeronáutica regional, existem aqui instalações que podem ser recuperadas e aproveitadas e que trarão mais desenvolvimento para a ilha". Basta notar, referiu, o que o centro "irá representar ao nível da movimentação de pessoas durante o ano, assim como na utilização de diferentes serviços".

Vasco Cordeiro defendeu ainda que "deve-se ter a consciência de que o centro pode ser um factor de criação de riqueza e desenvolvimento para a ilha pelo que interessa rentabilizá-la de forma a que não seja uma infra-estrutura desligada da vivência social e económica de Santa Maria".

O Centro de Tripulantes de Cabine do Grupo SATA irá concentrar as acções de formação que actualmente se realizam no exterior da região, estando previsto que venha a ser frequentado anualmente por 1200 formandos num total de 14.500 horas de formação.

O tempo no resto do mundo

Acordo Ortográfico

Apesar das resistências encontradas na imprensa portuguesa em geral, o LusoPresse decidiu adoptar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa pelas razões que já tivemos a oportunidade  de referir noutro local.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.
 
Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2021