logo
rss  Vol. XV - Nº 239         Montreal, QC, Canadá - segunda-feira, 01 de Março de 2021
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowArquivos arrowContacto arrowÚltima hora arrowClima

Fotografia:

Fundação Saramago lança prémio «Retratar um Livro»

 

saramago

Lisboa - A Fundação José Saramago lançou a primeira edição do Prémio Retratar um Livro, em que desafia fotógrafos profissionais e amadores a ilustrarem com imagens uma obra literária, as suas personagens, espaços e ambiente.

O primeiro protagonista deste prémio será o livro "Nome de Guerra", de Almada Negreiros, por proposta de José Saramago, que considerava o autor "o responsável pela segunda grande revolução estilística da nossa língua e da nossa literatura".

"A primeira foi a do Garrett, com as 'Viagens na Minha Terra', e a segunda foi a do Almada Negreiros, com o 'Nome de Guerra", disse o Prémio Nobel da Literatura 1998, cuja fundação tem como objetivo, entre outros, "apoiar e estimular iniciativas e ações culturais em defesa da Literatura Portuguesa".

A ideia é unir as novas tecnologias "aos prazeres da leitura", para "recuperar nomes que deveriam ser imprescindíveis tanto nas nossas bibliotecas como nos corações de todos os leitores".

Assim, depois de prestar especial atenção aos escritores Jorge de Sena e José Rodrigues Miguéis, a Fundação José Saramago decidiu, desta vez, "unir a imagem ao texto" e propor a todos os interessados que "leiam 'Nome de Guerra' com atenção e procurem a forma de expressar, em fotografias, o espírito do livro, o alento que o anima, a respiração que o mantém".

Os trabalhos concorrentes, a apresentar até 22 de abril, serão avaliados por um júri internacional composto por três profissionais qualificados na área da fotografia e da literatura, a anunciar enquanto decorre o concurso.

As fotografias selecionadas serão mais tarde objeto de uma exposição que será inaugurada em Lisboa e percorrerá, depois, as escolas e bibliotecas do país que o solicitem.

Aos três primeiros prémios, cujos vencedores serão divulgados, em data a anunciar, em www.josesaramago.org, corresponde uma dotação pecuniária de 1.000 euros, 500 euros e 250 euros, bem como dez, cinco e três livros de José Saramago, respetivamente.

Os três premiados receberão ainda exemplares das seguintes obras de Almada Negreiros: "Nome de Guerra", "Poemas", "Ficções", "Manifestos e Conferências", todos editados pela Assírio & Alvim, que apoia o Prémio de Fotografia Retratar um Livro, à semelhança do que fazem também a Câmara Municipal de Lisboa e o BPI - Banco Português de Investimento.

O tempo no resto do mundo

Acordo Ortográfico

Apesar das resistências encontradas na imprensa portuguesa em geral, o LusoPresse decidiu adoptar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa pelas razões que já tivemos a oportunidade  de referir noutro local.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.
 
Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2021