logo
rss  Vol. XIII - Nº 234         Montreal, QC, Canadá - segunda-feira, 01 de Junho de 2020
arrowFicha Técnica arrowEstatutos arrowPesquisar arrowContacto arrowÚltima hora arrowClima
Partilhe com os seus amigos: Facebook

Na patinagem artística

Felícia com estatuto nacional?

Norberto Aguiar

Por Norberto Aguiar

Aos 14 anos de idade, Felícia Pimentel Moniz já tem estatuto de atleta de cariz nacional ao classificar-se no segundo lugar do combinado em patinagem artística do recente campeonato quebequense da sua respetiva categoria, disputado no passado fim de semana (4 e 5 de novembro), na cidade de Sherbrooke, numa competição que contou com 200 atletas. Um segundo lugar no domínio curto e um quarto lugar no domínio longo das provas disputadas fizeram com que a Felícia conseguisse um segundo lugar na classificação geral, que a catapultou para a prova nacional da mesma categoria - Pré-novice - a disputar em Mississauga no próximo mês de dezembro.

 

na patinagem artistica

Muito contente por poder integrar a equipa do Quebeque na prova do «Desafio do Leste do Canadá», Felícia Pimentel Moniz espera agora obter uma boa classificação na prova ontariense. «Somos oito quebequenses, todas a quererem fazer boa figura. Eu não fujo à regra, sobretudo na condição de segunda classificada».

Mas quem é Felícia Pimentel Moniz?

Felícia Pimentel Moniz tem 14 anos, como já se disse, vive com a família em Mascouche e tem como uma das suas principais atividades extraescolares a prática da patinagem artística. Frequenta uma escola privada de «Sports-Études», em St-Léonard, e está na mesma escola de patinagem da grande Joannie Rochette, a grande atleta canadiana, recente medalha de bronze dos Jogos Olímpicos de Vancouver e seu ídolo. Como curiosidade, o facto de a Felícia ser filha da cantora comunitária Sylvie Pimentel.

Na patinagem desde a idade de 7 anos, Felícia sempre demonstrou talento para a modalidade, ingressando sempre rapidamente na categoria superior à da sua idade. Os técnicos e outros intervenientes, dessa forma, vêm em Felícia Pimentel uma atleta com futuro na modalidade, como aliás demonstram os resultados obtidos até agora. Vários lugares no pódio das muitas provas quebequenses em que tem participado em todos estes 7 anos da sua jovem carreira, confirmados com este segundo lugar provincial, confirmam isso mesmo. Agora espera-se pela prova de Mississauga, um patamar acima das competições realizadas no Quebeque para aquilatar das condições que ela poderá ter a nível nacional canadiano.

Apoio financeiro

Outro ponto a considerar na carreira da jovem luso-descendente, que percebe bem o português mas que o fala pouco, é que em 2011 ela passará para uma categoria superior, obedecendo às qualidades referidas acima. Neste caso, tanto Felícia como a sua mãe consideram que vai ser muito difícil, principalmente em termos financeiros, que são muito exigentes para os pais, os únicos que arcam com todas as despesas. «Até aqui tem sido difícil. Mas temos conseguido. No entanto, daqui para a frente, eu não sei se vamos ser capazes...», diz-nos com ar apreensivo Sylvie Pimentel. É nessa altura que o jornalista sugere o contacto com algumas firmas da comunidade, aparecendo a Caixa dos Portugueses em primeiro lugar. Sylvie Pimentel encolhe os ombros e diz apenas que «Seria bom que nos pudessem apoiar...», ficando-se no entanto pelas reticências.

Outros portugueses na modalidade

Abordadas, mãe e filha demonstraram desconhecer se existem outros atletas patinadores. No entanto, o que elas nos disseram é que há uma portuguesa, Fátima Luís, na preparação do vestuário e uma outra lusitana, que lhes escapou o nome, na coreografia. Quanto a Samuel Morais, que o jornalista avançou como sendo de origem portuguesa, ambas nos disseram que não uma primeira vez, para, na segunda, admitirem que sim, que pode ser de origem portuguesa já que abordado o Samuel, ele admite que terá parentes portugueses do início do século XIX; de portugueses que foram alistados na Primeira Guerra Mundial e que se deixaram ficar por França, de onde ele vai buscar as suas principais raízes.

Próxima competição: Mississauga

E é com a medalha de prata ao pescoço conquistada em Sherbrooke que Felícia Pimentel Moniz estará em Mississauga nos próximos dias 4 e 5 de dezembro para disputar o torneio «Desafio do Leste do Canadá», onde ela diz que sonha com uma boa prestação, sem no entanto falar em medalhas. Mas que «pode ser que...».

Destaque
Aos 14 anos de idade, Felícia Pimentel Moniz já tem estatuto de atleta de cariz nacional ao classificar-se no segundo lugar do combinado em patinagem artística do recente campeonato quebequense da sua respetiva categoria, disputado no passado fim de semana (4 e 5 de novembro), na cidade de Sherbrooke, numa competição que contou com 200 atletas.
Na patinagem artistica.doc
O tempo no resto do mundo

Arquivos

Acordo Ortográfico

O que é o novo acordo?

O LusoPresse decidiu adotar o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Todavia, estamos em fase de transição e durante algum tempo, utilizaremos as duas formas ortográficas, a antiga e a nova.   Contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Carlos de Jesus
Diretor

 
LusoPresse - 2020